Com a Covid-19, o RS precisa de você! Destine parte do seu imposto de renda para fundos beneficientes do nosso estado

Chegou a hora de ajudar
o Rio Grande de novo

Destine até 8% do seu imposto devido até 30 de dezembro.
Mais uma vez os gaúchos mostraram o quanto se importam com quem é daqui. No primeiro semestre, foram arrecadados R$ 17,7 milhões com a campanha Valores que Ficam. Agora, chegou a hora de ajudar novamente, destinando parte do imposto devido para as causas sociais aqui do Estado.
Clique aqui e baixe nosso Folder.

O que é

Nesta segunda etapa da campanha Valores que Ficam, com término em 30 de dezembro de 2020, a Assembléia Legislativa, juntamente com seus parceiros, tem a tarefa de seguir motivando os gaúchos a destinarem parte dos seus impostos devidos aqui para o Estado, sejam:

Pessoas Físicas
que apresentam a Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda no modelo completo.

Pessoas Jurídicas
enquadradas na apuração do resultado pelo Lucro Real também podem destinar parte do seu Imposto de Renda devido para o Fundo Estadual da Criança e do Adolescente (Feca) e o Fundo Estadual da Pessoa Idosa, para que estes atendam a projetos aprovados pelos Conselhos Estadual e Municipais.

Assim, de gaúcho para gaúcho, continuaremos ajudando a transformar a vida de milhares de pessoas.

Por que

Se todos participarem da campanha, os recursos que ficam no Estado podem ajudar milhares de crianças, adolescentes e idosos em situação de risco, além de pessoas com deficiência e problemas de saúde na área da oncologia.

Todo valor destinado aos projetos assistenciais é fiscalizado por órgãos competentes, e a aplicação dos recursos e os resultados alcançados podem ser acompanhados de perto.

Participe da campanha Valores que Ficam. É muito simples e seguro. Fale com seu contador.

TENHA ATITUDE!
DESTINE PARTE DO IMPOSTO DE RENDA DEVIDO E DEIXE MAIS RECURSOS NO NOSSO ESTADO.

Como

Escolha como quer destinar parte do seu imposto devido
a causas sociais aqui do Estado e siga o passo a passo.

Quem participa

Nesta segunda etapa, poderão destinar parte do imposto devido:

Pessoa Física
Pode destinar até 6% do imposto devido até o dia 30 de dezembro de 2020.
O valor poderá ser deduzido na declaração do Imposto de Renda de 2020/2021.

Pessoa Jurídica
Apenas aquelas enquadradas no Lucro Real podem destinar até 2% do imposto devido, sendo:
- até 1% para projetos do Fundo Estadual da Criança e do Adolescente (Feca)
- até 1% para projetos do Fundo Estadual da Pessoa Idosa
Sempre respeitando as questões técnicas e legais previstas na Legislação competente.

Pessoas Físicas e Jurídicas
Podem destinar parte do imposto devido, sendo:
- até 1% para Apoio à Atenção Oncológica – PRONON
- até 1 % para Apoio à Atenção da Pessoa com Deficiência – PRONAS/PCD

A quem se destina



Os valores são repassados integralmente aos projetos cadastrados pelas entidades sociais que tiverem a aprovação dos mesmos junto aos orgãos competentes previstos em Lei própria.

  • PARCEIROS:

  • CONSELHO ESTADUAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE
  • CONSELHO ESTADUAL DA PESSOA IDOSA
  • COREDES - Conselhos Regionais de Desenvolvimento
  • CRC RS - Conselho Regional de Contabilidade do Rio Grande do Sul
  • EXÉRCITO BRASILEIRO
  • FAMURS - Federação das Associações De Municípios do Rio Grande do Sul
  • FARSUL - Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul
  • FETAG-RS - Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul
  • GOVERNO DO ESTADO DO RS
  • GRÊMIO FOOT-BALL PORTO ALEGRENSE
  • MINISTÉRIO PÚBLICO
  • OAB/RS
  • RECEITA FEDERAL
  • SECRETARIA DA JUSTIÇA, CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS
  • SESCON/RS - Sindicato das Empresas de Serviços Contábeis, Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas do Estado do Rio Grande do Sul
  • SPORT CLUB INTERNACIONAL
  • TCE-RS - Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do Sul
  • TJRS - Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Sul
  • UVERGS - União dos Vereadores do Rio Grande do Sul
  • Clique aqui e baixe nosso Folder.